Empresa detecta aumento de quase 400% nas ameaças cibernéticas em 2020

O relatório de final de ano da empresa brasileira Apura é um dos termômetros para se medir a explosão de ataques na internet em 2020, sobretudo durante a crise da pandemia de Covid-19. Uma ferramenta desenvolvida pela organização registrou, entre janeiro e novembro últimos, um total de 272,5 milhões de eventos – um crescimento de 394% em relação a 2019.

Fraudes de cartão de crédito com 'robôs zumbis' crescem no mercado

Golpes que roubam dados bancários de clientes em sites de comércio eletrônico estão cada vez mais automatizados e sofisticados. Essa é uma das conclusões de uma estimativa da empresa de tecnologia da informação para sistema de pagamentos HST, que identificou um crescimento em um tipo especial de fraude.

Aumentam os golpes a smartphones usando QR Code

As organizações em todo o mundo foram afetadas por ciberataques envolvendo smartphones e atingidas por malware móvel nesse período de pandemia. O Relatório de Cibersegurança de 2020 da Check Point Software mostra que 27% das empresas foram afetadas por ciberataques a smartphones e 34% atingidas por malware móvel. 

Como foi o ataque hacker à Embraer

A Embraer, fabricante nacional de aeronaves, anunciou na segunda-feira (30) que sofreu um ataque cibercriminoso que atingiu sistemas de tecnologia da empresa e consequentemente teve seus dados roubados.

Fator humano será a principal vulnerabilidade do PIX

O Pix, novo meio de pagamentos do Banco Central, entrou em operação na terça-feira, 3 de novembro, de forma restrita por volumes e horários, para que instituições financeiras e clientes pudessem testar a plataforma. A primeira etapa foi realizada até o dia 15 e, no dia 16, o sistema passou a funcionar de forma integral, 24 horas por dia, todos os dias do ano.

5 cuidados que você deve ter ao comprar online na Black Friday

A Black Friday é um período de compras bastante intenso. As movimentações financeiras nessa época do ano crescem bastante, mas as fraudes também. É por isso que é tão importante ficar alerta para não cair em golpes ou simplesmente acabar saindo no prejuízo na hora de fazer suas compras online.

Algumas dessas recomendações podem parecer básicas, mas com certeza evitariam muitos problemas se fossem seguidas à risca.

Mais de 5 mil golpes de phishing usam o Pix como isca

Cibercriminosos se aproveitam da curiosidade sobre o assunto para roubar detalhes bancários e senhas de possíveis vítimas.

O Pix, meio de pagamento instantâneo criado pelo Banco Central, chega a todos os brasileiros de maneira oficial no dia de hoje (16). Enquanto as instituições financeiras ajustam os últimos detalhes antes de disponibilizar o novo modelo ao público, cibercriminosos utilizam o tema como isca para obter vantagem.

Identifique e evite ataques de ransomware

Atacantes cibernéticos continuam desenvolvendo novas formas para tentar roubar dinheiro dos usuários, e estes novos tipos de ataques envolvem o uso de ransomware. Os indivíduos maliciosos infectam máquinas vulneráveis ​​com essa classe de malware, conseguindo bloquear a tela do computador ou criptografar com senha arquivos importantes predeterminados e, exige um pagamento de uma taxa por sua liberação.

Phishing: mais de 47 milhões de tentativas foram registradas em 2020

Numa entrevista, o CEO da PSafe, Marco DeMello declarou que sua empresa, que é especializada em apps de segurança para celulares, identificou mais de 47 milhões de golpes de phishing somente no ano de 2020.

O executivo explicou que “os funcionários em home-office são o novo alvo predileto dos criminosos, devido ao menor grau de proteção que estes costumam ter em seus dispositivos e conexão”.

Conheça os 7 principais golpes bancários e saiba como evitá-los

Durante o período da pandemia de Covid-19, criminosos se aproveitaram para intensificar os ataques bancários.

Páginas

Subscrever Gestão de Segurança da Informação e Comunicações RSS